15 de set de 2010

A Exceção e a Regra (Bertolt Breht)




Estranhem o que não for estranho
Tomem por inexplicável o habitual
Sintam-se perplexos ante o cotidiano
Tratem de achar um remédio para o abuso
Mas não se esqueçam
de que o abuso é sempre a regra

12 de set de 2010

Áudio Visual. (Jurandir Bozo)


Passeio por idéias e paixões
Uma espécie de terreno inóspito
Origem da minha vocação
E se o som da minha atmosfera não te encanta
Se todo o visual do meu globo ainda te deixa indiferente...
Pega teus discos, tua apatia contemporânea
A tua cara de nada e o seu jeito urbano de roubar idéias
Junta tudo e vá à merda!
Vá do estagio mais alto da tua incompetência
Ate o mais baixo nível da justiça que te guia.
Pois hoje já me sinto disposto
Para abarcar esse mundo esfumaçado
Orgulhoso sim, mas nunca arrogante.
Respeitoso sim, mas nunca subserviente
Ate certo ponto calado, mas nunca omisso.
No fim de todos os jogos fica algo alem dos resultados
Fica a lembrança satisfeita do que junto realizamos
E uma pequena divida,
Entre a partida, o caminho e a chegada.  
(Além da grana que ainda falta receber... rs)